FEIPOL-SUL

FEDERAÇÃO INTERESTADUAL DOS TRABALHADORES POLICIAIS CIVIS DA REGIÃO SUL

Foi inaugurada, na manhã desta segunda-feira (11), a ampliação das dependências da policlínica da Polícia Civil gaúcha. A solenidade, que contou com a participação do Chefe de Polícia delegado Emerson Wendt, apresentou as novas dependências,  localizada na Rua Delegado Grant, s/nº, no prédio que sediava a agência do Banrisul – Palácio da Polícia. A nova área, passará a se chamar Policlínica Edson Lopes Ayres, em homenagem ao Escrivão de Polícia, falecido em 3 de junho de 2017. A homenagem foi uma sugestão dos profissionais da policlínica. Ayres era escrivão de polícia, graduado em enfermagem e ciências jurídicas e sociais, chefiou a policlínica no período entre 2007 e 2010, contribuindo de forma extraordinária para o seu desenvolvimento e reconhecimento, além de ter sido um entusiasta da ampliação das suas dependências.

Durante a cerimônia, foi entregue uma homenagem aos familiares do escrivão falecido Edson Lopes Ayres. A filha de Edson Ayres agradeceu a homenagem ao seu pai, relembrando a sua trajetória na polícia e no âmbito familiar.

A policlínica da polícia civil oferece aos policiais e seus dependentes, serviços médicos, odontológicos, farmacêuticos, de enfermagem, análises clínicas e fisioterapia. Hoje, a equipe de profissionais de saúde é composta por uma nutricionista, uma farmacêutica, uma enfermeira, quatro dentistas, quatro fisioterapeutas, além de médicos credenciados pelo IPERGS nas especialidades de clínica geral, pneumologia, cardiologia, ginecologia, urologia, ortopedia, pediatria, medicina ortomolecular, psiquiatria, cirurgia digestiva e tumores de pele.