FEIPOL-SUL

FEDERAÇÃO INTERESTADUAL DOS TRABALHADORES POLICIAIS CIVIS DA REGIÃO SUL

A direção da UGEIRM esteve, nesta quinta-feira (14), na Delegacia de Pronto Atendimento de Pelotas. A visita teve como objetivo, apurar pessoalmente a situação da carceragem da delegacia e se reunir com os (as) Policiais Civis, na busca de uma solução para a permanência de presos nas celas da delegacia.

Desde a semana passada, os (as) Agentes, que trabalham na DPPA de Pelotas, têm tido uma grande dificuldade para conseguir vagas no sistema prisional da região. Os problemas começaram quando a justiça determinou a interdição do presídio regional de Pelotas. Essa situação, onde os(as) policiais têm sido obrigados a atuar em claro desvio de função, vem trazendo graves problemas aos (às) Agentes, com um nível de stress insuportável no cotidiano da delegacia.

Na visita dessa quinta-feira, a direção do sindicato já não encontrou mais nenhum preso na carceragem da DPPA. Por uma grande coincidência, no dia anterior todos os presos haviam sido transferidos para o Presidio de Rio Grande, também na região Sul do estado. Porém, a direção do sindicato encontrou sérios problemas na delegacia. Uma situação que causou grande preocupação para a direção, foi a presença de um ônibus da Brigada Militar estacionado no pátio da DPPA. Levando-se em conta o retrospecto recente das medidas tomadas pela secretaria de Segurança Pública, a possibilidade que esse ônibus seja transformado em mais um depósito de presos, é real.

No período da tarde, a direção fez uma reunião com policiais de todas as DPs da região. O encontro foi convocado com o objetivo de discutir a situação das carceragens e outras questões de interesse da categoria.